Dados do município/localização

Fundação: 06/03/1991
Emancipação Política: 6 DE MARÇO
Gentílico: JIJOQUENSE
Unidade Federatíva: ce
Mesoregião: NOROESTE CEARENSE
Microregião: LITORAL DE CAMOCIM E ACARAÚ
Distância para a capital: 370,00

Dados de características geográficas

Área: 201.858,00
População estimada: 19587
Densidade: 97,00
Altitude 22
Clima: TROPICAL
Fuso Horário: UTC-3

Origem

Silveira Bueno traduz Jijoca como morada das rãs, do tupi ji: rã, jia; e oca: casa, e considera Jericoacoara como a toca das tartarugas, de yurucuá ou yuruqué: tartaruga; e quara ou coara: buraco, toca.

História

A indicação de Jericoacoara no território e história do Ceará, vem bem antes da criação do distrito de Acaraú[8] ou da descoberta deste pelo turismo internacional em meados da década de 1970. Este já era indicado nas cartas geográficas do século XVII,,.[9][10][11] Área conhecida como parte das terra dos índios Tremembé, foi local de instalação do vilarejo e forte de Nossa Senhora do Rosário, que serviu como base de apoio aos portugueses nas batalhas contra os franceses que ocupavam o Maranhão.[12] Segundo conta o historiador Raimundo Girão, "Em 1614, depois de desembarcar no Iguape, município de Aquiraz, e de demorar-se no Ceará, Fortim de São Sebastião, de Soares Moreno, esteve Jerônimo de Albuquerque[13] na região de Jericoacoara, ali ergueu ao pé do serrote uma pequena fortaleza, com estacas de madeira - o Forte de Nossa Senhora do Rosário, tendo-se celebrado a 5 de Outubro do mesmo ano, festa em louvor a santa." Continua Raimundo Girão: "No mesmo ano esse fortim fora atacado, no dia 18 de Julho pela gente de Du Prat, pirata francês, compondo a tripulação de uma nau porém é repelido heroicamente…". Esse Fortim a que se refere o historiador está localizado numa enseada, do antigo distrito de Acaraú, criado pela lei municipal nº 94, de Junho de 1923, denominado Jericoacoara.[14] A enseada de Jericoacoara está naturalmente protegida por uma verdadeira "cordilheira de dunas", que dificultou por muito tempo o acesso de exploradores portugueses às suas imaculadas terras. Assim sendo, temos apenas notícias de visitas esporádicas realizadas por aventureiros, que vindos por mar com destino ao Maranhão ai estiveram a partir do século XVII e dos nativos. No dia 16 de novembro de 1952 foi inaugurado o "Farol de Jericoacoara", localizado a 120 metros do nível do mar, no topo de um dos serrotes que delineiam a enseada, cuja construção foi dirigida pelo Capitão Jorge Leite da Silva. Em 1984, o governo brasileiro, por ato de seu presidente, o General João Figueiredo, determinou área de Jericoacoara com sendo de Área de Proteção Ambiental. Em 1991, por força da lei nº 11.796, Jijoca, distrito de Cruz, tornou-se município autônomo, anexado ao seu território a praia de Jericoacoara e passando a denominar-se Jijoca de Jericoacoara.[14] Em 1998, a energia elétrica passou a ser provida por uma rede subterrânea, substituindo os geradores que iluminavam apenas alguns pontos da aldeia de Jericoacoara.

Cultura

O principal evento cultural é a Festa de Santa Luzia, comemorada dia 13 de dezembro. O turismo em Jijoca de Jericoacoara, principal fonte de renda do município, é alimentado por diversos fatores: as belezas naturais, o aspecto selvagem e pitoresco de um lugar pouco tocado pela tecnologia além das condições propícias para o windsurf, o sandboard e o kitesurf.

Divisão Política

Executivo (prefeitura) e Legislativo (Câmara de Vereadores)

Curiosidades

O QUE O TURISTA PODE VER: Igreja de Santa Luzia - Inaugurada no dia 13 de dezembro de 1964, é considerada uma das igrejas mais belas de todo o Estado do Ceará. Igreja de Nossa Senhora de Fátima - Construída a meados do século XX, destaca-se pela beleza arquitetônica. Grandes eventos culturais são ali realizados - Missa do Galo, celebração da Coroação de Maria e festas dedicadas à padroeira. Localiza-se nas imediações do Serrote de Jeri. Destacam-se as vistas da costa, observadas desde o alto de suas torres. Vila de Jericoacoara - Nas imediações da Praia de Jericoacoara, é vila típica de pescadores, que vivem principalmente do turismo. Conta com várias pousadas, lojas de artesanato, pequenos bares e restaurantes. Parque Nacional de Jericoacoara - Área de proteção ambiental fundada no ano de 2002, onde podem ser vistas numerosas espécies de aves, algumas em perigo de extinção. Serrote de Jeri - Pequena formação rochosa com zonas cobertas por vegetação, que protege o avanço das dunas até a Vila de Jericoacoara. É um dos poucos lugares do Parque Nacional de Jericoacoará onde existe vegetação. Nas imediações localiza-se o Farol de Jericoacoará. Farol de Jericoacoara - Construído pela Marinha em 1992, é moderno e ecológico - alimentado por energia solar. A 120 metros de altura, desde aí se obtêm uma vista maravilhosa do Oceano Atlântico e de toda a cidade. Duna Pôr-do-Sol - Localizada no interior do Parque Nacional de Jericoacoara, é um dos principais símbolos do lugar. Pedra Furada - Um arco de grande tamanho esculpido nas rochas pelo mar, na Praia da Pedra Furada, conhecida também como Praia da Pedra do Frade. Considerado um dos principais cartões postais do município de Jijoca de Jericoacoara, merece especial destaque pelo fenômeno que se produz uma vez ao ano entre os meses de julho e agosto: o sol encaixa perfeitamente no arco, criando um espetáculo digno de ser admirado. Lagoa de Jijoca - Formada pelas Lagoa Azul e do Paraíso, localiza-se a 5km de Jijoca de Jericoacoara e é a segunda maior do Estado, com 57km de perímetro. Frequentada pelos amantes do windsurf e do kitesurf, tem águas doces e cristalinas e está rodeada de enormes dunas. Conta com uma excelente infraestrutura turística, bares, restaurantes e várias pousadas. Praias de Jijoca de Jericoacoara Por todo o litoral encontram-se praias de imensa beleza protegidas por extensas dunas. Caracterizam-se pela sua areia fina e branca e água cristalina de temperatura agradável, ideal para praticar todo o tipo de esportes náuticos. Especial destaque para a Praia de Jericoacoara. Outras há tão belas quanto no perímetro da Lagoa de Jijoca: Barra do Guriú , Praia do Mangue Seco, Praia da Malhada, Praia da Pedra Furada e da Pedra do Frade, Praia do Riacho Doce.

Qual o seu nível de satisfação com essa página?


Muito insatisfeito

Um pouco insatisfeito

Neutro

Um pouco satisfeito

Muito satisfeito